Saúde

Aeronave do CIOPAER TO efetua remoção aeromédica de paciente idoso de Porto Nacional para o HGP em Palmas

A equipe do Centro Integrado foi acionada para apoiar o SAMU/Regional Palmas-TO para uma remoção aeromédica da cidade de Porto Nacional até o HGP, no centro de Palmas

Foto: Divulgação
  • Assessoria de Comunicação
  • 11 de setembro de 2018

A equipe multimissão a bordo da aeronave do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER - TO), órgão ligado a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) efetuou na tarde desta segunda-feira (10) a remoção aeromédica de um senhor de 77 anos, vítima de infarto do Hospital Regional de Porto Nacional para o Hospital Geral de Palmas (HGP).

 A equipe do Centro Integrado foi acionada para apoiar o SAMU/Regional Palmas-TO para uma remoção aeromédica da cidade de Porto Nacional até o HGP, no centro de Palmas.

Em virtude da urgência, o Helicóptero Tocantins 01 pousou próximo ao SAMU, onde pegou uma equipe composta por um médico e um enfermeiro. Imediatamente, a aeronave deslocou-se até a cidade, que fica ao sul da capital a 64 km, sendo que o trajeto foi feito em apenas 15 minutos de voo.

  O pouso foi realizado ao lado do Hospital Regional, em um campo de futebol, no centro de treinamento do time de futebol profissional da cidade. Assim, rapidamente, o paciente Inácio Teodoro Fernandes, 77 anos, que havia sofrido um Infarto Agudo do Miocardio, com edema agudo do Pulmão, foi embaraçado e a aeronave partiu rumo a Palmas.

Minutos depois, o helicóptero do CIOPAER pousou no Hospital Geral de Palmas (HGP), onde uma equipe multidisciplinar daquela Unidade de Saúde já aguardava o paciente, o qual chegou, em boas condições, a fim de que mesmo recebesse os cuidados médicos necessários.

 Vale ressaltar que a pronta intervenção do helicóptero do Ciopaer foi de fundamental importância para que a vítima pudesse ser atendida no menor tempo possível, aja vista que o trajeto normal se fosse realizado por via terrestre, por uma ambulância, poderia levar mais de uma hora e agravar as condições do paciente.

Deixe seu comentário: