Aumento de casos de covid, gripe e enchentes faz Governo do Tocantins adiar volta as aulas

No novo calendário, as aulas que estavam previstas para terem início no dia 1º de fevereiro iniciarão no dia 14

Da Redação

O Governo do Estado do Tocantins informou a imprensa que reformulou o calendário letivo deste ano de 2022 para garantir acesso seguro dos estudantes às salas de aulas.

A medida, conforme o governo atende a solicitação dos gestores municipais, formalizada pela Associação Tocantinense de Municípios (ATM), levando em consideração a situação das estradas vicinais afetadas pelas enchentes, por onde passa o transporte escolar rural, bem como a preocupação com o avanço na transmissão da Covid-19 e da Influenza (H3N2) no Tocantins.

Novo calendário

No novo calendário, as aulas que estavam previstas para terem início no dia 1º de fevereiro iniciarão no dia 14, de forma presencial. Mesmo com a mudança, continuam garantidos os 200 dias letivos e preservado o período de férias no mês de julho, como já é uma tradição no Estado, assim como os feriados.