Política

Com desistência de Renan, Eduardo Gomes vota em David Alcolumbre para presidência do Senado; Irajá também vota e Kátia Abreu e incógnita

Eduardo Gomes, não descarta a sua participação na eleição da mesa diretora, que está prevista para a próxima quarta.

Foto: Divulgação
  • Da Redação
  • 02 de fevereiro de 2019 (Atualizada em 02/02/2019 19:27:32)

O Senador Eduardo Gomes (MDB) durante a escolha para o novo presidente do senado federal, neste sabádo (2), decidiu votar a apoiar o colega David Acolumbre (DEM) após a desistência de Renan Calheiros (MDB). Gomes destacou que um dos motivos do voto é  a amizade que tem com Acolumbre. “De longas datas conheço o Acolumbre compartilhei com ele momentos importantes e por isso meu voto foi dele, até porque não tínhamos mais um candidato do meu partido” declarou Eduardo.

Depois de ser eleito com quase 250 mil votos no Tocantins, Gomes chega ao Senado Federal. Na carreira política já foi eleito 3 vezes Deputado Federal também pelo Tocantins. Já a veterana e também senadora do estado Kátia Abreu (PDT), não declarou em quem votou, o filho dela e também estreante no Senado, Irajá Abreu (PSD) votou em David Alcolumbre, inclusive fazendo exposição da decisão na cédula.

Eduardo Gomes, não descarta a sua participação na eleição da mesa diretora, que está prevista para ser realizada na próxima quarta feira (6). “Vou honrar os votos que recebi, e continuar trabalhando para que o Tocantins possa se desenvolver e crescer ainda mais” ressaltou Gomes.

LINK CURTO: https://diariotocantinense.com.br/r/zz

Deixe seu comentário: