De surpresa chuva cai em Colinas; aumento na umidade do ar causou instabilidade

a chuva que ocorreu foi causada por áreas de instabilidades, associadas ao calor e ao aumento na umidade do ar

Da Redação

No final da tarde dessa quarta-feira, 23, caiu sobre Colinas do Tocantins, uma pequena chuva que fez com que vários moradores comemorarem mesmo que pouco o momento. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a chuva que ocorreu foi causada por áreas de instabilidades, associadas ao calor e ao aumento na umidade do ar. Estas instabilidades se estenderam pelo Pará, norte do Amazonas, oeste do maranhão, avançando também pelo norte do Tocantins, incluindo a cidade.

De acordo ainda com o instituto durante o inverno tais instabilidades, normalmente, ficam mais concentradas no extremo norte do Pará, Amapá, Roraima e norte/noroeste do Amazonas. Porém, não se descarta a ocorrência de alguns eventos de chuva no norte do Tocantins e centro do Pará, a exemplo do que ocorreu na tarde de hoje. Esta situação depende desses fatores, como a umidade e temperaturas, o que favorece a intensificação das nuvens, ocasionando nas pancadas de chuva, principalmente no período da tarde (mais quente). Em alguns casos essas chuvas poderão ser mais intensas, em forma de pancadas, com trovoadas e rajadas de vento.

Para o meteorologista, Heraclio Alves a imagem de satélite das 15:30 (horário de Brasília), apresentou aparentemente  nuvens do tipo Cumulonimbus. Esse tipo de nuvem está associado a pancadas de chuva, trovoadas e rajadas de vento na região.

 No horário entre às 16 e às 17 horas teve um acumulado de 9,4 mm de chuva caíram no municipio de Colinas do Tocantins.