Em Guaraí, Polícia Civil prende casal suspeito de praticar o crime de latrocínio tentado

O objetivo das agressões foi o roubo da motocicleta, celular e demais pertences da vítima

Da Redação

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 4ª Delegacia Regional de Guaraí, no centro-norte do estado, prendeu no final da tarde da última quarta-feira, 29, um homem de iniciais R.N.S, de 28 anos e uma mulher de iniciais L.C.S.S, de 21 anos. Ambos são suspeitos pela prática do crime de tentativa de latrocínio (roubo, seguido de morte), que vitimou Masciano Nascimento Leitão, de 56 anos de idade e foram capturados, mediante cumprimento a mandados de prisão, emitidos pela Vara Criminal da Comarca de Guaraí. 

De acordo com o delegado-regional Adriano Carrasco, o crime ocorreu na noite do último dia 23, por volta das 20h30, no Setor São Luiz, em Guaraí, quando Masciano foi abordado e violentamente agredido pelo casal, sendo golpeado na nuca com um punhal. O objetivo das agressões foi o roubo da motocicleta, celular e demais pertences da vítima. Felizmente, Masciano está fora de perigo, mas ainda internado no hospital de Araguaína, onde aguarda cirurgia de reconstrução da face.

 Após investigações, os policiais civis conseguiram identificar o casal como sendo o autor do crime e, assim, também recuperaram o aparelho celular da vítima que estava em poder dos investigados, que também indicaram o local onde a motocicleta da vítima havia sido descartada. Após buscas, os agentes localizaram e também recuperaram o veículo que foi jogado dentro do ribeirão tranqueira. Depois da realização dos procedimentos legais cabíveis, o casal foi encaminhado ao sistema penitenciário estadual, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.