Gutierres Torquato toma posse em cadeira na Aleto e afirma que projeto de Wanderlei não inviabiliza o de Laurez rumo ao Palácio Araguaia

Ricardo Ayres (PSB), agora nomeado novo secretário extraordinário de Parceria Público-Privada

Da Redação

O plenário da Assembleia Legislativa (ALETO), deu posse ontem, 16, ao deputado estadual Gutierres Torquato (PSB), que assume a vaga do agora licenciado, Ricardo Ayres (PSB), agora nomeado novo secretário extraordinário de Parceria Público-Privada. Na ocasião da posse a galeria estava cheia de correligionários. 

Em breve conversa com o DT, sobre sua posse no parlamento tocantinense, Gutierres Torquato afirmou que levará consigo o diálogo sobre as pautas mais importantes da região sul do estado, como a interligação da TO- 500 (Transbananal), transformar Gurupi em um polo educacional e incentivar o agro.

“A nossa responsabilidade é grande. Somos o único representante da região sul. Nosso foco aqui no parlamento é colaborar com o desenvolvimento econômico e estrutural de nossa região, bem como o município de Gurupi. Estarei aqui em busca de realização de um sonho que é a interligação da TO-500 que é a Transbananal que exporta para fora nossos produtos. Buscaremos também fazer com que a nossa terceira maior cidade se torne o maior polo educacional”, defendeu Torquato ainda em entrevista ao Diário Tocantinense.

Projeto Laurez e Projeto Wanderlei

Gutierres disse ver em Laurez um projeto de desenvolvimento para o Tocantins, “Ele tem uma forma peculiar. Ele conversa com todos. Não tem dificuldade com ninguém”, e completou “Wanderlei e Laurez se respeitam, e um não inviabiliza o projeto do outro. Os dois não tem dificuldade para que um dia possa se alinharem”, finalizou Torquato.