Katia Abreu protagoniza "tensão" em votação para escolha de voto aberto no Senado

Kátia Abreu levou consigo a papelada de posse de Alcolumbre que também é candidato.

Da Redação

A senadora da república, Kátia Abreu (PDT-TO), provocou um tumulto no meio da votação em que decidirá se os votos serão abertos ou não da eleição da mesa diretora do Senado. Kátia Abreu levou consigo a papelada de posse de Alcolumbre que também é candidato.

“Isso é uma usurpação, não votem”, bradou a senadora Kátia no púlpito do plenário do Senado Federal, após sair com o livro ata em que são registradas as decisões dos parlamentares. Segundo o placar do painel compareceram 81 senadores.

 No tumulto, parlamentares de vários partidos discutiram por causa da previsão de votação secreta na eleição interna e pelo fato de o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) estar na presidência da sessão que de acordo ele não teria legitimidade e por isto os senadores protestaram argumentando que Alcolumbre não poderia presidir porque é candidato.