Preso segundo suspeito de matar adolescente e jogar corpo em cisterna de casa abandonada em Paraíso

A polícia informou que ele estava com prisão em aberto por homicídio registrado em Rialma (GO), á 200 km de Goiânia (GO)

Da Redação

Crime aconteceu em setembro desse ano, no município de Paraíso do Tocantins. O primeiro suspeito foi detido em Araguatins, no dia 14 de dezembro.

O segundo suspeito de matar um adolescente de 16 anos e jogar o corpo na cisterna de uma casa abandonada, foi preso pela Polícia Civil, no último domingo, 27. O homem, de 33 anos, foi localizado pelos policiais no município de Lagoa da Confusão. O homicídio aconteceu no mês de setembro, em Paraíso do Tocantins.

A prisão foi efetuada após mandado de prisão preventiva. A operação foi comandada pela 6ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (Deic) em parceria com a 58ª Delegacia de Polícia de Lagoa da Confusão.

O homem foi encaminhado para a Casa de Prisão Provisória de Paraíso do Tocantins. A polícia informou que ele estava com prisão em aberto por homicídio registrado em Rialma (GO).

O primeiro suspeito foi preso no dia 14 de dezembro. Trata-se de um jovem, de 23 anos, detido em Araguatins, na região do Bico do Papagaio.

De acordo com delegado-chefe da 6ª Deic, Hismael Athos, as investigações apontaram que o adolescente tinha encomendado a morte de um homem por causa de uma dívida com drogas. O alvo chegou a levar golpes de faca, mas foi socorrido com vida e sobreviveu.

No mesmo dia, o cunhado do homem esfaqueado se juntou com outro suspeito e encontraram o menor na casa abandonada. Conforme a polícia, eles mataram o adolescente com golpes de madeira na cabeça e depois jogaram o corpo na cisterna.