Após dois anos de pandemia, Tocantins estabiliza saldo positivo no ranking de empregos gerados pelos pequenos negócios

No cenário nacional, os pequenos negócios foram responsáveis por 220.066 novos postos de trabalho em 2021

Da Redação

Apesar da pandemia ocasionada pela Covid-19 ter aumentado significativamente o desemprego no Estado, os primeiros meses deste ano de 2022 elevaram esse panorama com um índice positivo. Atualmente o Estado ocupa o 8° lugar no ranking de empregos gerados pelos pequenos negócios no país, com um saldo positivo de 2.440 postos de trabalho e o 4° lugar no ranking entre os estados da Região Norte.

Os dados são do levantamento do Sebrae junto ao Cadastro Geral de Empregos e Desempregados (CAGED), divulgado pelo Ministério da Economia com o intuito de apurar os empregos gerados pelos pequenos negócios no país.

“Esses dados validam o esforço do Sebrae Tocantins na valorização dos pequenos negócios, a nossa participação na sociedade e a construção desse relacionamento de confiança do empreendedor na instituição.  É sempre bom lembrar que os pequenos negócios são fundamentais para a geração de emprego e renda nas nossas cidades”, afirma o superintendente.

Os segmentos que mais geraram empregos em 2022 foram os setores de serviços, comércio e construções. Somente em fevereiro, eles geraram aproximadamente 1.188 postos de trabalho.

No cenário nacional, os pequenos negócios foram responsáveis por 220.066 novos postos de trabalho em 2021, o que levou a 67% dos empregos gerados nesse período. Em 2022 as micro e pequenas empresas já criaram 304.525 novas vagas, o equivalente a 63,5% do volume total.