Ataídes Oliveira reassume a presidência do PROS no Tocantins no lugar de Junior Geo

O registro foi oficializado nesta segunda-feira, 18, pelo Diretório Nacional. O partido era comandado por Junior Geo

Da Redação

O Ex-Senador, Ataídes Oliveira, é o novo presidente do Partido Republicano da Ordem Social – PROS no Tocantins, partido que tem como principais bandeiras a redução de impostos e o combate à corrupção. O registro foi oficializado nesta segunda-feira, 18, pelo Diretório Nacional. O partido era comandado pelo deputado estadual, Junior Geo. 

No Tocantins, o partido comanda a 3ª maior cidade, Gurupi que tem a prefeita, Josi Nunes.

Ataídes, que participou ativamente da criação e do registro do partido no Tribunal Superior Eleitoral e também foi o responsável por fundar o Diretório Estadual do PROS em 2013, afirma que já inicia a nova missão com uma meta arrojada. “Ainda neste primeiro semestre vou visitar os 139 municípios tocantinenses, conversar com líderes locais, fortalecer as comissões provisórias e criar novas comissões. Nosso propósito para 2022 é eleger, no mínimo, um deputado federal e dois deputados estaduais”, afirmou. 

Perfil - Ataídes Oliveira

Nasceu em Estrela do Norte, Goiás, filho de trabalhadores rurais. Trabalhou com a família como meeiro em fazendas às margens do rio Araguaia, vivendo entre São Miguel do Araguaia, Araguaçu e Colméia. Com 11 anos, teve a oportunidade de ir para Anápolis, onde limpou lotes para sobreviver, ingressou na escola para ser alfabetizado e fez um curso de datilografia que lhe abriu as portas para o mercado de trabalho. Foi office-boy até se formar em Contabilidade e Direito.

Deu aulas para estudantes nas duas áreas de sua formação. Em 1988, criou sua primeira empresa, que deu origem ao Grupo Araguaia. Ao longo dos últimos 30 anos, já empregou 50 mil trabalhadores com carteira assinada, destes cerca de 15 mil apenas em Palmas, onde está a sede do grupo empresarial. Entrou para a política em 2010, na condição de suplente do senador João Ribeiro, que faleceu em 2013. Assumiu a vaga e não decepcionou. Trabalhou com o compromisso de lutar contra a corrupção e ganhou reconhecimento nacional por isso.

Foi autor do projeto das 10 Medidas Contra a Corrupção no Senado, presidente de três CPIs, entre elas a que ajudou colocar na cadeia os irmãos do grupo JBS e a que apurou abusos por parte das operadoras de cartões de crédito, conseguindo baixar pela metade os juros do crédito rotativo. Foi o senador campeão de recursos para os municípios, trazendo mais de R$ 420 milhões para o Tocantins, incluindo duas mil casas populares para Palmas.