Na escala de 24 horas, encerrada às 7h desta quarta-feira, uma série de atendimentos foi realizada pelas equipes nas Unidades Operacionais em todo o estado

Da Redação

Um total de 75 ocorrências encerrou o plantão de 24 horas das equipes de bombeiros militares em todas as Unidades Operacionais, entre 7h de terça, 26, e 7h desta quarta-feira, 27. Variadas naturezas de atendimentos foram realizadas, desde palestras em escolas a atendimento pré-hospitalar a vítimas de acidentes de trânsito.

Entre as ações dos socorristas às vítimas, por volta das 22h40, desta terça, está o atendimento pré-hospitalar a um homem de 49 anos de idade, identificado como Anésio Ribeiro da Silva, que estaria em fuga da Polícia Militar e acabou colidindo contra outra viatura da própria corporação, que fazia a direção contrária na via. A ocorrência foi em uma avenida no Centro de Araguatins, no extremo norte do Estado. Anésio teve fratura exposta na canela esquerda, recebeu os primeiros socorros e foi encaminhado pelos socorristas da 5ª Companhia Independente de Bombeiros Militar, para o Hospital Regional de Araguatins.

Cerca de três horas antes, em Colinas do Tocantins, a 4ª CIBM combatia incêndio em um tanque de combustíveis, em empresa privada na BR-153. Era por volta das 19h, e, ao chegar ao endereço, a equipe de bombeiros militares constatou que o trabalho inicial era executado pela brigada da transportadora. Coube aos militares o combate direto até à extinção das chamas e rescaldo.

Não houve vítimas na ocorrência, apenas danos materiais, com parte da traseira da carreta bi-trem sendo danificada pelo calor do fogo.

Palmas e Gurupi também registraram colisão envolvendo motocicletas e veículos. Na capital, sede do 1º Batalhão de Bombeiros Militar, a ocorrência foi às 14h30, na Quadra 601 Sul, nas proximidades do Cardiocenter, nesta terça-feira.

A motocicleta era conduzida por Alana Nascimento Bezerra, 22 anos, e o carro por Gustavo da Silva Dias, de 24 anos. Os bombeiros militares constataram que Alana tinha um ferimento aberto no tórax e reclamava de dores no joelho. A equipe fez os curativos e encaminhou a vítima para o Hospital Geral de Palmas.

Em Gurupi, sede do 3º Batalhão de Bombeiros Militar, a ocorrência foi às 13h13. Um fato diferente ocorreu: ao chegar ao endereço solicitado, uma bombeira militar de São Paulo havia estabilizado a cervical da vítima de 23 anos, usando um colar. Aos socorristas tocantinenses, coube as avaliações primárias e secundárias e, em seguida, o encaminhamento da condutora para o Hospital Regional de Gurupi.

A ocorrência foi no centro de Gurupi e a vítima  foi identificada como Maria da Conceição.