Filadélfia decreta situação de emergência e cria Comitê de Monitoramento e Crise

As medidas foram aplicadas também para o comércio em geral, ficando em funcionamento apenas os essenciais

Da Redação

Em razão da pandemia do novo Coronavírus, mais uma prefeitura do Tocantins declara situação de emergência. Mesmo sem casos suspeitos em Filadélfia, o prefeito Mizô Alencar decidiu por tomar medidas de prevenção na cidade.

Foi criado um comitê de monitoramento e crise e a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, segue todos os protocolos impostos pelo Ministério da Saúde.

Dentre as recomendações do decreto nº 90/2020, ficam suspensas atividades tais como: Eventos, reuniões e/ou atividades sujeitas a aglomeração de pessoas, sejam elas governamentais, artísticas, esportivas e científicas do setor público, sendo as medidas adotadas recomendadas ao setor privado, somando-se as atividades comerciais e religiosas.

As medidas foram aplicadas também para o comércio em geral, ficando em funcionamento apenas os essenciais. Outra medida é a prestação de serviço de transporte coletivo urbano e rural, de caráter público ou privado, que não pode exceder à metade da capacidade de usuários sentados e o uso de mototáxi  também fica suspenso. (Assessoria de imprensa)