Gerente de cooperativa de crédito é mantido refém juntamente com sua família por assaltantes

Benedito estava mantido refém juntamente com sua família desde o início da noite desta última segunda-feira, 28

Da Redação

Na cidade de Porto Nacional, na região central do Tocantins, o gerente da agência da cooperativa de crédito Sicoob, Benedito Gonçalves Alves dos Anjos, sua esposa, dois filhos menores e uma funcionária da agência, foram mantidos reféns por criminosos. Benedito estava mantido refém juntamente com sua família desde o início da noite desta última segunda-feira, 28. As informações foram repassadas por fontes do DT.

De acordo com a Polícia Militar por volta das 23h desta última segunda-feira, 28, e diante do exposto pela testemunha e das informações relatadas sobre possível roubo mediante sequestro, a equipe deslocou em patrulhamento pelos bairros próximos ao local do fato e ainda fez uma busca na agência bancária do SICOOB.

Segundo ainda as primeiras averiguações, a tesoureira da agência havia sido abordada na porta de sua residência e levada pelos sequestradores. Em seguida, no momento do patrulhamento, foi noticiado que além da tesoureira do banco SICOOB, o gerente, o senhor Benedito, teria sido sequestrado também pelos autores e que seu veículo Chevrolet Prisma de cor prata foi roubado.

A PM disse que esteve então na casa da vítima, em busca de mais informações, quando a testemunha disse que durante esse tempo, um dos autores entrou em contato via celular informando que a vítima Vanessa (tesoureira) seria libertada pela manhã após efetivarem o objetivo deles.

Conforme as informações repassadas à PM nesta manhã, o gerente do banco estaria sendo mantido refém dentro da agência e sua família em uma localização de matagal. As últimas informações são de que todos os reféns já foram liberados.