Justiça Federal determina prosseguimento com reforma agrária de imóvel da União em Palmeirante

A propriedade possui uma área total de 5 mil hectares- 1.033 alqueires, inserido na Gleba Anajá

Da Redação

A Justiça Federal determinou ao Instituto Nacional de Reforma de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), que prossiga com a documentação do processo de reforma agrária na Fazenda Navarro no município de Palmeirante. A propriedade possui uma área total de 5 mil hectares- 1.033 alqueires, inserido na Gleba Anajá, área arrecadada e registrada na Secretária de Patrimônio da União (SPU). 

A decisão foi um atendimento ao pedido do Ministério Público Federal, que solicitava o prosseguimento administrativo de uma vistoria feita por um agrônomo que destinava seis lotes de imóvel a reforma agraria. O prazo para finalização da documentação pelo INCRA é de 100 dias.