Plantão Policial

Polícia Cívil prende no Tocantins técnico em defesa social suspeito de tentativa de homicídio no Pará; Homem é suspeito de tentar matar sargento

De acordo com as investigações da Polícia, o homem de inicias A.D.S, teria sido contratado para assassinar a vítima.

Foto: Ademir dos Anjos/ Governo do Tocantins
  • Da Redação
  • 19 de março de 2019 (Atualizada em 19/03/2019 08:47:20)

Policiais Civis da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC), Núcleo Norte, de Araguaína, efetuaram, por volta das 17h da tarde desta segunda-feira, (18), em Aragominas – TO, a prisão de um técnico em defesa social, de 37 anos, suspeito de tentar matar um sargento do exército, no Estado do Pará. O crime teria acontecido em fevereiro e o suspeito foi capturado em sua residência, após expedição de mandado judicial de prisão temporária.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, o homem de inicias A.D.S, teria sido contratado para assassinar a vítima. O mandante também foi preso no Pará, nesta segunda-feira, 18. "A partir de compartilhamento de informações com a Polícia Civil do Pará, obtivemos informações de que o executor da tentativa de homicídio seria um agente de defesa social lotado no presídio Barra da Grota, em Araguaína. Assim, intensificamos as investigações e conseguimos identificar o suspeito”, disse o delegado José de Anchieta de Menezes Filho, responsável pelo caso.

Investigações apontam que, no dia do crime, a vítima sofreu uma emboscada e foi atingida por cinco disparos de arma de fogo, mas, mesmo com a gravidade dos ferimentos, consegui sobreviver. Após ser preso, o técnico em defesa social foi conduzido até a Central de Atendimento da Polícia Civil (Plantão), de Araguaína, e, após a realização dos procedimentos legais cabíveis, passou à custódia do sistema prisional do estado. (Com informações da SSP/TO)

 

LINK CURTO: https://diariotocantinense.com.br/r/CS

Deixe seu comentário: