A ação ocorreu em Colinas do Tocantins e resultou na recuperação de um carro roubado em São Paulo

Da Redação

No final da tarde desta quinta-feira, 19, a Polícia Civil do Tocantins (PC-TO) deflagrou em Colinas do Tocantins, uma grande operação de combate à criminalidade, a qual resultou nas prisões de oito indivíduos e na apreensão de armas de fogo, munições, drogas, dinheiro, carro roubado e demais objetos de origem ilícita.

O delegado Marco Aurélio Barbosa Lima explica que a ação tinha por objetivo combater o tráfico de drogas e crimes contra o patrimônio ocorridos em Colinas nas últimas semanas. “Com base em investigações da 41ª Delegacia de Polícia Civil foi possível apurar que em duas residências estaria havendo movimentação de indivíduos em situação de ilícitos penais como tráfico de drogas”, disse.

Diante dos fatos, na tarde desta quinta-feira, os policiais civis da referida unidade policial, com apoio de agentes da 42ª DP, da 4ª Delegacia de Atendimento à Mulher e Vulneráveis e também da Polícia Militar, foram até os endereços onde as investigações demonstraram a prática de ilícitos.

Apreensões e prisões

Na primeira residência, ocupada por ciganos, oriundos dos Estados do Ceará e Bahia, que estariam a pouco tempo na cidade, os policiais localizaram e apreenderam duas armas de fogos, tipo revólveres, calibres 38, além de munições que estavam em poder de quatro homens, de 24, 23, 29 e 19 anos, os quais foram presos em flagrante por porte ilegal de arma de fogo.

Logo em seguida, os policiais se dirigiram até a segunda residência, que fica ao lado da primeira, onde localizaram e apreenderam várias porções de maconha, cocaína, crack, dinheiro, um revólver calibre 38, joias, além de vários itens roubados ou furtados que haviam sido trocados por porções de substâncias entorpecentes, bem como aparelhos celulares.

Neste segundo imóvel, que funcionava como ponto de venda e distribuição de drogas, os policiais civis efetuaram as prisões de mais quatro pessoas, sendo duas mulheres de 25 e 27 anos e dois homens de 25 e 32 anos, pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo e receptação. Também foi recuperado um veículo modelo HB20 "clonado" com ocorrência de roubo no Estado de São Paulo no dia  14 de março deste ano.

Após a realização das providências legais cabíveis, todos os presos foram recolhidos à Unidade Penal local, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.