Além de estreitar as relações com a Corte, os encontros têm como objetivo capacitar os gestores do município: prefeito, presidente da Câmara, vereadores, secretários municipais, ordenadores de despesas, contadores e assessores jurídicos.

Da Redação

O Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), por meio da Sexta Relatoria, realizou nesta quinta-feira, 27, na cidade de Colméia, a 224 km de Palmas, região centro-norte do Estado, mais um Ciclo de Encontros Técnicos - II Encontro Técnico Orientativo aos Jurisdicionados.  

Segundo conselheiro titular da Sexta Relatoria, Alberto Sevilha, além de estreitar as relações com a Corte, os encontros têm como objetivo capacitar os gestores dos municípios: prefeito, presidente da Câmara, vereadores, secretários municipais, ordenadores de despesas, contadores e assessores jurídicos, dos municípios de Colmeia, Goianorte, Guaraí, Miranorte, Rio do Bois, Tabocão e Tocantínia. 

"Nós temos verificado ao longo do tempo que essa aproximação ajuda a esclarecer dúvidas e até corrigir determinadas falhas que eventualmente possam prejudicar a prestação de contas dos gestores. Essa aproximação tem mostrado, ao longo do tempo, resultados muito positivos, onde houve uma grande diminuição de contas rejeitadas. 

Para o Chefe de gabinete da Presidência, Dimas Baia, esse acompanhamento é eficaz desde que o gestor queira. "O intuito não é interferir na gestão, é ajudar. O evento foi feito para aproximar o gestor do tribunal de conta para que o dinheiro público seja gasto da melhor forma possível para a sociedade.

No encontro, o conselheiro e os técnicos da Sexta Relatoria abordaram com os gestores as a Importância do Controle interno; Acompanhamento a priori e concomitante; O poder transformador da educação e saúde com ênfase na primeira infância; Inovação sobre a Nova Lei de Licitações; Implantação de ouvidorias e Controle Social como Instrumento de prevenção ao erário.